Grupo Carlos Lyra

Fabrica da Pedra

Feliz Natal e próspero Ano Novo!
100 Anos Fábrica da Pedra

A Fábrica

Fábrica da Pedra…Muitos anos de brilho, determinação e sucesso.

 Delmiro Gouveia, foi um herói em seu tempo. De sua visão empresarial originou-se, no início do século XX, a formação do primeiro pólo industrial do Nordeste brasileiro junto com a implantação da primeira industria têxtil no sertão alagoano.

A Cia. Agro Fabril Mercantil começou a funcionar em 05 de junho de 1914, no dia em que comemorava mais um aniversário do seu fundador, na distante Vila da Pedra, hoje município de Delmiro Gouveia. Os primeiros carretéis vieram da Finlândia. A primeira compra de algodão do Egito. Depois veio a utilização do algodão Seridó, plantado nas terras da região.

Com a implantação desta fábrica, o lugarejo inabitado da Pedra, prosperou, ganhou posto telegráfico, estradas e os primeiros automóveis. No primeiro ano de funcionamento a fábrica empregava mais de 800 operários (homens e mulheres) produzindo diariamente mais de dois mil carretéis de linhas para costura, rendas e bordados. Em 1916 a fábrica intensificou a sua produção passando a exportar para a Argentina, Chile, Peru e outros da América do Sul.

Mas, em outubro de 1917, Delmiro Gouveia foi brutalmente assassinado. Com sua morte o controle da Cia Agro Fabril Industrial passou aos irmãos Menezes, até que, no final dos anos 80, após sucessivas crises financeiras, foi adquirida pelo Grupo Cataguases, passando a chamar-se Multifabril Nordeste S/A. Essas crises voltaram a se repetir periodicamente levando a fábrica a ter a sua produção radicalmente reduzida, com o risco de ter as suas portas fechadas.

Em 1992 o Grupo Carlos Lyra, tradicional grupo empresarial no segmento da agro-indústria, de açúcar, álcool e de fertilizantes, com forte participação na economia nacional, aceitou o desafio de não deixar parar a única e tradicional industria da região.

Tendo assumido o controle da empresa, deu-lhe o nome da FÁBRICA DA PEDRA S/A Fiação e Tecelagem, nome este uma homenagem do Dr. Carlos Lyra a cidade onde Delmiro Gouveia fez história, a antiga Vila da Pedra.

Fez-se então uma rápida recuperação do parque industrial, sendo adquiridos equipamentos de ultima geração para a fiação “open-end” e os teares de pinça e a jato de ar, para a tecelagem.

Alguns anos depois, dando continuidade ao processo de modernização industrial, novos investimentos foram realizados, agora no setor de acabamento. Novas máquinas foram adquiridas e novos profissionais foram contratados com o objetivo de melhorar a qualidade dos novos produtos, aumentar a produção e investir na geração de novos empregos. Dentre elas uma das mais modernas máquinas de estamparia rotativa, habilitando-se assim a concorrer com as maiores empresas do país na linha de cama e mesa, nosso principal produto.

No início de 2002, a Fábrica da Pedra S/A, lança a linha Topázio, tecido de alta qualidade, misto de algodão e poliéster. Também oferecido em maquinetado, este tecido foi direcionado para o segmento de camisaria e, em pouco menos de um ano, alcançou a marca de 1.000.000 ms vendidos. Camisas produzidas com o nosso tecido Topázio são feitas especialmente para atender grandes magazines como C&A, Casas Pernambucanas, Renner e redes de lojas de moda masculina.

Em 2003 passamos também a oferecer ao exigente mercado têxtil brasileiro, o Percalyra, um percal clássico, produzido em 100% algodão penteado com fio 40/1 da mais alta qualidade. Sucesso imediato, hoje este tecido é utilizado nos produtos top de linha de marcas como a Altemburg, M Martan, Zelo, Kacyumara e muitas outras.

Hoje a Fábrica da Pedra S/A, produz cerca de 1.500.000 ms de tecido/mês, destinado ao mercado brasileiro e também ao Mercosul e orgulha-se de aproveitar a mão-de-obra local, formada por quase 500 funcionários, dos quais 99% estão em Delmiro Gouveia (AL), município sede da empresa.

O Grupo Carlos Lyra, na pessoa de seu Diretor-Presidente, Carlos Lyra, se orgulha de acreditar e de investir sempre no Brasil, como uma das grandes potências mundiais do novo milênio.